Pular para o conteúdo

Quando me tornei sócio da minha última empresa, havia um funcionário que parecia ser o dono de tanto que ele mandava por lá. Todos diziam que ele era o mais qualificado da cidade e que seria impossível alguém achar um substituto. Mas sempre acreditei que ninguém é insubstituível.

Na minha opinião, ele era apenas alguém arrogante e muito bem remunerado pelo que fazia. Com o tempo, acabamos substituindo ele e vimos que os processos começaram a fluir melhor e a folha de pagamentos deu uma boa aliviada.

Muita gente acredita que é imprescindível para sua organização. E, talvez, o passado justifique essa crença: anos dedicados ao trabalho, menções de reconhecimento, grandes conquistas... Com isso, a pessoa acaba achando que, caso ela saia, a empresa irá tomar uma enorme pancada e não irá se recuperar. Mas já diz o sábio: quem vive de passado é museu.

Se você é desses que acreditam que estão em um patamar superior, talvez seja a hora de calçar as sandálias da humildade. Não viva de passado, continue batalhando diariamente, capacite-se e nunca deixe de agregar valor. Tenha sempre em mente: estabilidade não existe.

Você está P* da vida pq não está entrando aquele dinheirinho fixo na sua conta, todo dia 10? E também com aquele idiota que foi promovido para o cargo que você tanto almejava?

Está se sentindo injustiçado? Tantos para serem demitidos. Que critério usaram para escolher você? Mas eles vão se arrepender. Sim, porque tecnicamente capacitado como você não sobrou ninguém! É isso que vc acredita?

Pode até muito bem ser que SIM, a juniorização de fato no médio prazo proporciona reflexos nos resultados, menos cabeças pensantes! E menos investimentos? É um erro !

Mas aí te pergunto: vc vai viver de passado? E a baixa auto estima, será que não está fazendo você se sair mal em entrevistas? Ou vc acha que é seu currículo que é péssimo e por isso não está sendo chamado para entrevistas?

Você não está sozinho, muita gente também pensa assim! Mas aqui vem a boa notícia: a hora é essa!

Agora será sua grande virada: superação de obstáculos, enfrentamento de tensões, renovação da capacitação! É pura verdade que há cursos grátis que podem ser úteis para você, até de renomadas universidades. É hora de reconhecer oportunidades, ter um bom plano de ação, parar de reclamar e pedir ajuda se necessário!

Se mexe tigrão!